economiapolítica

Governo jamais tratou da privatização do SUS, seria uma tolice, diz Guedes

48views

O ministro Paulo Guedes (Economia) disse nesta 5ª feira (29.out.2020) que a equipe econômica jamais teve a intenção de privatizar o SUS (Sistema Único de Saúde).

Para Guedes, essa ideia seria uma “tolice“. Na avaliação dele, ocorreu uma má interpretação do decreto que autorizava estudos para parcerias entre o setor privado e o público na construção e administração de UBS’s (unidades básicas de saúde).

<![CDATA[
.mod-newsletter.full .title, .mod-newsletter.full h1 {font-size:18px;text-transform:none;}.mod-newsletter.full .title small, .mod-newsletter.full h1 small{font-size:16px;}.mod-newsletter .title, .mod-newsletter
h1{font-family:”Prelo”,sans-serif;}.mod-newsletter.full input[type=text]{font-size:14px;padding: 10px 7px;}.mod-newsletter.full input[type=submit] {padding:9px 0;margin-top:-21px}.mod-newsletter.full {margin:15px 10px; padding:20px 15px 15px; border: 1px solid #d2d2d2; background:transparent; background-color#fff;}.enviar .container {width:100%;}.content.wp h1, .content.wp h2 .enviar{margin:0;}@media only screen and (max-width: 1279px){.mod-newsletter.full
h1{font-size:15px;}}@media only screen and (max-width: 1279px){.mod-newsletter.full h1 small{font-size:14px;}}@media only screen and (max-width: 767px){.mod-newsletter.full h1 {padding-bottom:11px;}}
]]>
O decreto que trata sobre os estudos foi assinado por Jair Bolsonaro e por Guedes. A medida foi duramente criticada por deputados e ex-ministros da Saúde. Diante da repercussão negativa, inclusive nas redes sociais, Bolsonaro revogou a medida.

“Jamais esteve sob análise privatizar o SUS, seria uma insanidade falar isso. Seria como o setor privado ajudar. Vamos fazer o que o setor privado pode fazer. Não entrou em nossa consideração invadir a área de saúde para privatizar, jamais”, declarou o ministro durante participação em sessão da comissão mista da covid-19 no Congresso.

“Se vai causar uma perturbação para o Congresso brasileiro, o presidente tira do ar. Ele [Bolsonaro] falou: ‘Olha, não vou criar algo que vai criar 1 tumulto danado em véspera de eleição. As pessoas não vão entender nada”, disse o ministro.

Assista:

Continuar lendo

Poder360