política

IPC-Fipe desacelera alta para 0,20% na 1ª medição de março

67views

A cidade de São Paulo registrou inflação de 0,20% na primeira quadrissemana de março, sexta leitura seguida de desaceleração, pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC) calculado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

Na mesma leitura em 2020, o IPC da Fipe registrava alta de preços de 0,15%. Já a imediatamente anterior à divulgada hoje, a do encerramento de fevereiro, ficou em 0,23%. Na primeira medição do mês passado, a inflação acumulada era de 0,78% nos 30 dias até a data.

Das sete classes de despesa que compõem o indicador, cinco mostraram inflação menor, maior queda de preços ou virada para deflação, em relação à leitura da semana anterior: Habitação (0,00% para -0,11%), Alimentação (-0,31% para -0,40%), Saúde (0,74% para 0,53%), Vestuário (0,10% para -0,04%) e Educação (0,10% para 0,08%).

Verificaram aceleração da inflação: Transportes (1,59% para 1,95%) e Despesas Pessoais (0,10% para 0,16%).

Essa leitura comparou os preços coletados de 8 de fevereiro a 7 de março com os registrados entre 8 de janeiro e 7 de fevereiro. A próxima divulgação, com a inflação da chamada segunda quadrissemana de março, acontecerá no dia 17.

1 de 1 — Foto: USP Imagens

— Foto: USP Imagens

Fonte: Valor Econômico