política

Jogadores da Inglaterra são alvos de racismo depois da final da Eurocopa

88views

Os jogadores negros Bukayo Saka, Jadon Sancho e Marcus Rashford, da Inglaterra, foram alvos de racismo nas redes sociais depois da seleção que defendem perder para a Itália na final da Eurocopa. O jogo ocorreu neste domingo (11.jul.2021).

A partida foi resolvida nos pênaltis. Rashford acertou a cobrança na trave, enquanto o goleiro italiano Donnarumma defendeu os chutes de Sancho e Saka, garantindo o 2º título da Itália. Saka, de 19 anos, nunca havia participado de uma disputa de pênaltis pelo futebol profissional.

Torcedores da Inglaterra passaram a enviar no Instagram imagens de bananas e de macacos nas publicações dos jogadores depois da derrota. “Vocês 3 são negros… isso é porque vocês são macacos”, disse um dos usuário.

Sancho nasceu em Londres, mas sua família é de Trinidade e Tobago. Já Saka tem pais nigerianos. Veja os ataques:

Jogadores foram chamados de macacos depois de perderem nos pênaltisReprodução/Instagram

Usuários enviaram imagens de bananas e de macacos em publicações dos jogadores Reprodução/Instagram

O JOGO

A partida terminou em 1 a 1 no tempo regulamentar, com gols de Luke Shaw, da Inglaterra, e Bonucci, da Itália. Depois da prorrogação, o jogo foi para os pênaltis e acabou em 3 a 2 para os italianos.

Berardi, Bonucci e Bedeschi marcaram em favor da seleção campeã. Kane e Maguire converteram para a Inglaterra. O goleiro italiano Donnarumma defendeu as cobranças de Sancho e Saka, garantindo o título de campeão e de melhor jogador do campeonato.

Continuar lendo

Poder360