política

Moraes libera depoimento de Aécio

103views

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), liberou o depoimento do deputado Aécio Neves (PSDB-MG) no âmbito do inquérito que apura o desvio de recursos durante a construção da Cidade Administrativa, atual sede do governo de Minas Gerais.

Ele também determinou que a Vara de Inquéritos Policiais de Belo Horizonte apure se houve “eventual extravio” de mídias relacionadas a delações de diretores das construtoras OAS e Santa Bárbara que citam o tucano.

No dia 10 de agosto, Moraes havia suspendido a oitiva e determinado que o parlamentar só fosse ouvido após a sua defesa ter acesso aos depoimentos de colaborados que foram usados para acusá-lo.

A Vara de Inquéritos Policiais da Comarca de Belo Horizonte, do Tribunal de Justiça do Estado de Minas, afirmou que “inexistem” as mídias pedidas pela defesa e a Procuradoria-Geral de Justiça do Estado apontou que os advogados do deputado tiveram “acesso amplo” a todos elementos dos autos.

Eles afirmam ainda que Aécio estaria usando do “expediente com o propósito de atrasar o encerramento da apuração, ao passo que insiste na obtenção de documentos que não estão em poder da autoridade policial ou sequer existem”.

No processo, que tramita na primeira instância mineira, Aécio é acusado de corrupção passiva e ativa, lavagem de dinheiro, cartel e fraude a licitação. Segundo as investigações, houve fraude para que a licitação da obra ficasse com um grupo de empreiteiras e o prejuízo aos cofres públicos chegou a R$ 747 milhões. Além do tucano, outras 11 pessoas foram indiciadas.

Fonte: Valor Econômico