entretenimento

ONS descarta possibilidade de racionamento de energia no Brasil

65views

O diretor-geral do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), Luiz Carlos Ciocchi, afastou nesta segunda-feira a possibilidade de um racionamento de energia no país, mesmo diante da situação delicada dos reservatórios das hidrelétricas. “Temos a convicção de que estamos pilotando o sistema de forma bastante segura e compatível com a necessidade da sociedade brasileira”, afirmou, em evento virtual organizado pelo Canal Energia.

Entre setembro de 2020 e março de 2021, o Sistema Interligado Nacional (SIN) enfrentou a pior afluência na série histórica dos últimos 91 anos. Os reservatórios das hidrelétricas do SIN encerraram o mês de março com nível médio de armazenamento de 45%.

Ciocchi observou que, apesar das condições hidrológicas desfavoráveis, a matriz elétrica brasileira é bastante diversificada e ressaltou que o maior acionamento do parque termelétrico vem assegurando o abastecimento do país.

1 de 1 — Foto: Teresa Travassos/Divulgação/Furnas/Arquivo

— Foto: Teresa Travassos/Divulgação/Furnas/Arquivo

Para ajudar a conter os efeitos do maior despacho termelétrico sobre a conta dos consumidores, o ONS tem trabalhado junto ao Ministério de Minas e Energia (MME) para garantir preços melhores no suprimento de gás natural para as usinas.

Ainda segundo o diretor-geral, o ONS tem discussões semanais com a Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) sobre o uso múltiplo das águas. “Estamos avaliando se algumas restrições hídricas podem ser flexibilizadas momentaneamente para termos garantia daquela energia”.

Fonte: Valor Econômico