política

Paraná Pesquisas: Bolsonaro ganharia 2º turno contra Lula, Ciro e Doria

68views

Levantamento do Paraná Pesquisas mostra que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ganharia a eleição em 2º turno contra Luiz Inácio Lula da Silva (PT), João Doria (PSDB) e Ciro Gomes (PDT). Já no 1º turno, Lula e Bolsonaro compartilhariam as intenções de voto, com o atual presidente na liderança.

A pesquisa (íntegra – 559 KB) foi divulgada nesta 6ª feira (7.mai.2021). Foi realizada de 30 de abril a 4 de maio de 2021, por meio de entrevistas telefônicas com 2.010 pessoas de 16 anos ou mais, moradoras de 198 cidades, das 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais e a taxa de confiabilidade é estimada em 95%.

.mod-newsletter.full .title, .mod-newsletter.full h1 {font-size:18px;text-transform:none;} input.submit{margin-top: 0.2px !important;} .mod-newsletter.full .title small, .mod-newsletter.full h1 small{font-size:16px;}.mod-newsletter .title, .mod-newsletter
h1{font-family:”Prelo”,sans-serif;}.mod-newsletter.full input[type=text]{font-size:14px;padding: 10px 7px;}.mod-newsletter.full input[type=submit] {padding:9px 0;margin-top:-21px}.mod-newsletter.full {margin:15px 10px; padding:20px 15px 15px; border: 1px solid #d2d2d2; background:transparent; background-color#fff;}.enviar .container {width:100%;}.content.wp h1, .content.wp h2 .enviar{margin:0;}@media only screen and (max-width: 1279px){.mod-newsletter.full h1{font-size:15px;}}@media only screen and (max-width: 1279px){.mod-newsletter.full h1 small{font-size:14px;}}@media only screen and (max-width: 767px){.mod-newsletter.full h1 {padding-bottom:11px;}}

A pesquisa testou 4 cenários para o 1º turno das eleições. No 1º, o ex-juiz Sergio Moro (sem partido) é incluso entre os possíveis candidatos. Com este cenário, o ex-juiz consegue 5,8% dos votos. Mas não haveria um grande impacto na eleição, já que Bolsonaro e Lula receberiam a maior parte dos votos: 32,7% e 29,3%, respectivamente.

Já no 2º cenário, sem Moro, os votos do ex-juiz seriam transferidos para o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (sem partido), Luciano Huck (sem partido) e Doria. Ainda assim, Bolsonaro e Lula liderariam, com 34,1% e 29,6%, respectivamente.

O 3º cenário, por outro lado, considera a participação do senador Tasso Jereissati (PSDB) no lugar de Doria. O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM), também é incluso. Jereissati receberia cerca de 1,8% dos votos, enquanto Pacheco, 0,7%.

Nesse cenário, Bolsonaro e Lula continuariam a liderar as intenções de voto. Seriam 34,5% dos votos para o atual presidente e 30,2% para o ex-presidente.

O 4º e último cenário para o 1º turno coloca o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), como o candidato da legenda tucana. Dessa forma, Leite receberia 3,2% dos votos. Bolsonaro e Lula continuariam com a liderança.

Já para o 2º turno, 5 cenários foram testados. No 1º deles, o enfrentamento de Lula e Bolsonaro teria o atual presidente como vencedor. Lula receberia 39,8% dos votos e Bolsonaro, 42,5%. A diferença, de 3%, fica 1 ponto percentual acima da margem de erro. Os votos brancos e nulos seriam 13,5%.

No 2º cenário, entre Lula e Ciro, o ex-presidente ganharia com 38,6% dos votos. O pedetista receberia 28,1% e os votos brancos e nulos disparam para 29%.

Entre Ciro e Bolsonaro, o presidente também ganharia. Seriam 43,4% de votos para a reeleição e 35,3% para o pedetista. Os brancos e nulos seriam 17,3%, segundo os dados do 3º cenário.

No 4º cenário, Lula ganharia de Doria na disputa pela presidência. O petista receberia 41,5% dos votos enquanto o governador de São Paulo conseguiria 23,9%. Os votos brancos e nulos registram o maior percentual da pesquisa com 31,2%.

O 5º e último cenário do 2º turno tem Doria enfrentando Bolsonaro. O atual presidente ganharia a eleição com 42,8% dos votos. O governador receberia 31,3% e os votos brancos e nulos seriam 21,6%.

Continuar lendo

Poder360