tecnologia

Toyota pressiona Congresso dos EUA para desacelerar mudança para carros elétricos

38views

A Toyota foi uma das montadoras pioneiras na adoção de carros elétricos. Mas o tempo foi passando, outras empresas entraram no ramo e a companhia ficou para trás. Agora, a Toyota pressiona o Congresso dos Estados Unidos, discretamente, para que desacelere a política de adoção de veículos elétricos.
De acordo com o jornal The New York Times, a montadora japonesa tem feito lobby com os legisladores em Washington DC. Um alto executivo da Toyota se reuniu com líderes congressistas a portas fechadas nas últimas semanas, para defender o plano da administração do presidente Joe Biden, que gastará bilhões de dólares para incentivar a mudança pelos elétricos.

publicidade

Leia mais:

Ainda segundo o jornal, o executivo em questão é Chris Reynolds. Ele teria argumentado a favor dos carros híbridos, como o Toyota Prius e também dos veículos a célula de combustível movidos a hidrogênio. Além disso, a Toyota luta contra a política pró-elétricos através do principal grupo de lobby da indústria automobilística.

O grupo é a Aliança pela Inovação Automotiva (Alliance for Automotive Innovation, em inglês), presidido pelo próprio Reynolds, e representa as principais montadoras e seus fornecedores. A aliança argumenta contra o plano do governo de adotar o Acordo da Califórnia como posição oficial.

Como votar no Olhar Digital no segundo turno do Prêmio Influency.me

Isso tudo porque ainda durante o mandato do ex-presidente Donald Trump, no ano passado, a Agência de Proteção Ambiental tentou tirar do estado em questão o seu poder de definir os próprios padrões de emissões. Na ocasião, a Toyota ficou ao lado de Trump e não fazia parte do acordo do estado com montadoras. Agora, com Biden, a regra foi revertida e os estados podem impor padrões rígidos às fabricantes.

Além dos argumentos contra as políticas favoráveis aos carros elétricos nos Estados Unidos, a Toyota também se posiciona contra na Índia, um dos países onde mais se sente os efeitos nefastos da poluição atmosférica, e no Japão, seu país de origem.

O Toyota Prius foi um dos pioneiros movidos a bateria, lançado em 1997. Foto: Divulgação/Toyota

Esses bastidores da Toyota surpreendem porque a montadora foi uma das primeiras a adotar os veículos movidos a bateria. Ela lançou o modelo Toyota Prius em 1997, pavimentando o caminho para outras montadoras. A companhia ainda pretende lançar 70 outros modelos elétricos, a células de combustível de hidrogênio e híbridos gasolina-elétricos até 2025.

Mas, por ter ficado tão para trás dos concorrentes, como Nissan, General Motors e Volkswagen, os principais executivos da Toyota, incluindo o CEO Akio Toyoda, bilionário neto do fundador da montadora, declararam que a tendência favorável aos elétricos foi “exagerada”.

Via: The Verge

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Fonte: Olhar Digital